Regras do Jiu-Jitsu: Técnicas, faixas, golpes e história da arte

Conheça as Regras do Jiu-Jitsu, quais são as faixas, saus técnicas, principais golpes e um pouco de sua história.

0
O que é Jiu-Jitsu? O Jiu-jitsu é uma arte marcial secular, que tem sua origem atribuída a países como Índia e China. Seu desenvolvimento ocorreu no Japão feudal, vindo da necessidade dos samurais de aprender um método para se defender sem o uso de armas quando as perdiam durante as lutas.

O esporte chegou ao Brasil em 1914 com o lutador japonês Mitsuyo Maeda, mas sua popularização ocorreu através de Carlos Gracie, um aluno brasileiro do mestre. Em 1925, Carlos Gracie abriu a primeira academia de jiu-jitsu no Brasil, mas precisamente em Belém, no Pará. Desde então, a família Gracie se tornou um dos clãs de maior sucesso e destaque nesse esporte.

Prática e objetivos do Jiu-Jitsu

O jiu-jitsu é uma arte marcial democrática, e pode ser praticada por pessoas de qualquer sexo. Sua prática visa evitar o uso da força ou de armas por meio da utilização do equilíbrio, de alavancas e das articulações do corpo.

Para a prática da modalidade esportiva, o lutador deve estar vestido com um quimono (paletó e calça) de cor preta, branca ou azul. As lutas ocorrem em um tatame, que ocupa um espaço de 64 a 100 m², dividido entre a área interna e a área de segurança.

O corpo é o único instrumento utilizado na luta, na qual são aplicados golpes e movimentos técnicos com a finalidade de imobilizar e derrubar o adversário.

Faixas do jiu-jitsu

Dentro da arte marcial, o lutador avança de graduação. Nos estilos mais tradicionais, é adotado o método menkyo, enquanto as escolas mais modernas utilizam o Kyu Dan.

O sistema de graduação é baseado em faixas de diferentes cores que demonstram o avanço do atleta dentro do jiu-jitsu. Cada uma possui um período mínimo de permanência. A International Brazilian Jiu-Jitsu Federation (IBJJF) segue a seguinte sequência de cores:

  1. Branca
  2. Cinza/Branca
  3. Cinza
  4. Cinza/Preta
  5. Amarela/Branca
  6. Amarela
  7. Amarela/Preta
  8. Laranja/Branca
  9. Laranja
  10. Laranja/Preta
  11. Verde/Branca
  12. Verde
  13. Verde/Preta
  14. Azul
  15. Roxa
  16. Marrom
  17. Preta
  18. Vermelha/Preta
  19. Vermelha/Branca
  20. Vermelha

Veja como Amarrar a faixa do Jiu-Jitsu

Como amarrar a faixa do jiu-jitsu

Principais golpes do Jiu-Jitsu

A modalidade possui alguns golpes principais, elaborados durante muito tempo e pensados para praticantes de diversos tipos físicos. São eles:

  • Queda: também conhecido como projeção, visa levar o adversário ao solo utilizando técnicas como ippon seoi nage, baiana e uchi mata.
  • Montada: neste golpe, o objetivo é literalmente montar sobre o adversário, colocando seus pés e joelhos no chão de modo a dominar o corpo do oponente, que pode estar de frente, de lado ou de costas.
  • Pegada pelas costas: o lutador se posiciona nas costas do oponente, colocando seus calcanhares nas coxas dele.
  • Passagem de guarda: é quando o atleta que está por cima transpõe as pernas do que está por baixo e consegue se posicionar a seu lado e sustentar a posição.
  • Joelho na barriga: o atleta que está por cima coloca o joelho na barriga do que está por baixo de modo a dominar o oponente.
  • Raspagem: é quando o lutador que está por cima, prendendo o adversário com as pernas, consegue derrubar o que está por baixo e inverter suas posições.

golpes do Jiu-Jitsu

Regras do Jiu-Jitsu

  • Todas as lutas são conduzidas por um árbitro, ficando ele a cargo de pontuar os movimentos, interpretar as regras, punir os competidores e interromper o combate quando necessário. Suas três palavras de ordem são: combate, lute e paro.
  • As lutas têm duração de 2 a 10 minutos, de acordo com a categoria e a faixa dos competidores.
  • Não são permitidos durante a luta: socos, chutes, cotoveladas, cabeçadas, pisadas, mordidas, puxões de cabelo, enfiar os dedos nos olhos, atingir órgãos genitais, torcer dedos e chave de calcanhar.
  • Os movimentos executados rendem de 2 a 4 pontos.
    • Exemplos: queda, raspagem e joelho na barriga = 2 pontos; passagem de guarda = 3 pontos; e montada e pegada pelas costas = 4 pontos.
  • Alguns movimentos causam punições ou vantagens, que não correspondem a pontos, mas servem como critério de desempate.
  • Vence a luta o atleta que obtiver mais pontos. Em caso de empate, vence quem obtiver mais vantagens. Caso persista o empate, ganha aquele com menos punições. Por fim, se nenhum desses critérios for suficiente, o árbitro escolhe o vencedor.
Você pode gostar também